Uma das formas mais conhecidas, baratas e eficazes é instilar soro fisiológico com uma seringa em cada uma das narinas do bebé.

Que materiais são necessários?

  • soro fisiológico a 0.9% (idealmente um frasco maior);
  • mini spike;
  • seringa de uso individual;
  • adaptador de seringa;
  • escovilhão;
  • toalha de rosto.

Como realizar o procedimento?

Bebés até adquirirem a posição sentado:

  • bebé semi-deitado (com uma cunha por baixo ou algo que o levante ligeiramente);
  • lavar sempre as mãos antes e depois da lavagem;
  • encher a seringa com soro;
  • colocar o adaptador de seringa (caso não tenha adaptador, passe para o próximo passo);
  • instilar de forma contínua e lenta o soro fisiológico numa narina, certificando-se que o adaptador fica bem encostado à narina do bebé;
  • limpar o nariz com uma compressa;
  • realizar o mesmo procedimento na outra narina;
  • repetir o procedimento, se necessário.

Bebés após adquirirem a posição sentado:

  • bebé sentado, ligeiramente inclinado para a frente e envolvido numa toalha de forma a ficar mais contido e seguro;
  • lavar sempre as mãos antes e depois da lavagem;
  • encher a seringa com soro;
  • colocar o adaptador de seringa (caso não tenha adaptador, passe para o próximo passo);
  • instilar de forma contínua e lenta o soro fisiológico numa narina, certificando-se que o adaptador fica bem encostado à narina do bebé;
  • limpar o nariz com uma compressa;
  • realizar o mesmo procedimento na outra narina;
  • repetir o procedimento, se necessário.

Qual a importância da posição sentado durante o procedimento?

Esta posição previne que o bebé se engasgue e que o soro e o muco progridam para o ouvido. Desta maneira evitam-se as otites, uma vez que o bebé até aos 2 anos de idade tem o canal que liga o nariz ao ouvido mais horizontalizado.

A que temperatura deve estar o soro?

Idealmente, o soro fisiológico deve estar à temperatura ambiente ou morno, de maneira a evitar a irritação das mucosas nasais e facilitar a remoção do muco.

Por que devo instilar o soro lentamente?

A instilação do soro deve ser feita de forma contínua e lenta, observando-se a sua saída pela narina contrária. Assim, permite uma limpeza por arraste do muco, onde estão presentes impurezas, vírus ou até mesmo bactérias.

Posso reutilizar a seringa?

As seringas normalmente utilizadas neste procedimento são descartáveis. Caso opte por utilizar a mesma seringa mais do que uma vez, deve proceder à sua higienização e desinfeção. Note que no caso do bebé estar doente deve substituir a seringa.

Como proceder à desinfeção do material?

Caso tenha o adaptador de seringa, deve esterilizar após cada utilização, colocando-o em água a ferver de forma a evitar o crescimento de bactérias.

É importante salientar que os produtos utilizados na lavagem do nariz não podem ser compartilhados.

Este artigo constitui apenas uma orientação aos pais, sendo que a sua leitura nunca deve substituir a opinião e consulta do profissional de saúde que acompanha o seu bebé.

Caso não consiga realizar o procedimento devidamente, a Clínica do Movimento propõe-se a dar uma resposta diferenciadora, colocando ao dispor dos utentes uma intervenção individualizada e especializada.

Autora: Joana Coutinho, Fisioterapeuta Lic., Mestre em Fisioterapia Neurológica

 

Drenagem linfática
Pubalgia
Deixe o seu comentário